A desvalorização do mercado de trabalho tem sido um dos principais motivos de desmotivação de muitos profissionais.

O sonho da grande maioria das pessoas é se formar em uma faculdade, esse era um dos meus maiores sonhos também.

Além de ser um sonho, existe uma enorme cobrança da família e da própria sociedade de que para você “ser alguém na vida” você precisa ter um curso superior.

Ao finalmente entrar em uma faculdade outras pressões começam, tirar boas notas, conseguir um bom estágio, remunerado de preferência, as parcelas para pagar, as provas para fazer, os relatórios para entregar, os trabalhos em grupo para apresentar, o TCC pra escrever e enfim se formar para ter o tão almejado diploma nas mãos.

Durante esse período de estudos que variam de 3 a 5 anos muitas expectativas são criadas.

O emprego dos sonhos, com um excelente salário, na melhor empresa do mundo, sendo valorizada e reconhecida por todo esforço que tive até aqui, quem não quer isso?

Afinal eu mereço por todas as noites que perdi estudando, todas as renúncias que fiz para me manter focada, todas as noites que chorei de cansaço, pela maratona que vivi, entre estágio, faculdade, provas e trabalhos, por todo dinheiro que investi e que foi suado…

Eu mereço um excelente trabalho…

Chega então o tão esperado dia da formatura!

As expectativas estão lá em cima, nos lábios o meu sorriso de orelha a orelha, nos olhos aquele brilho, no peito aquela sensação de missão cumprida e na mente aquele pensamento “eu mereço”, “eu consegui”.

A festa acaba, os amigos se despedem, cada um vai para seu lado viver sua vida e então vem a realidade… preciso arrumar um emprego.

Neste momento a faculdade não pode mais me ajudar…

Meus professores têm outros alunos para ensinar…

Começo então a elaborar meu currículo e a procurar a tão sonhada vaga de trabalho que eu mereço.

Visito vários sites de agências de emprego, em alguns até começo a pagar assinatura, mesmo sem ter muito dinheiro.

Começo a perceber que as vagas disponíveis não são exatamente como eu sonhava, os salários são bem baixos em relação as funções citadas, mas mesmo assim não deixo de encaminhar meu currículo, afinal estou só começando, depois as coisas vão melhorar.

Mando currículos de segunda a segunda.

Vou pessoalmente levar meu currículo para diferentes lugares.

Por enquanto não apareceu nada…

Mas eu não desisto, peço para minhas amigas levarem meu currículo onde elas trabalham, me coloco a disposição em grupos do whatsapp e no facebook, faço um perfil no Linkedin… e o desespero já começa a apertar!

Já se passaram seis meses e não fui chamada para nenhuma entrevista, o motivo: “Você não tem experiência”.

Claro que não tenho experiência, ninguém me dá uma chance!

Se passam mais dois meses e a família já começa a perguntar: e aí já apareceu alguma coisa?

Foi fazer entrevista pelo menos?

Nossa já faz quase um ano que você se formou e nada?!

Procura outra coisa pra fazer, vai ficar aí em casa parada?

Neste momento ninguém sabe como você está por dentro…

Ninguém viu todas as noites que você já chorou por estar nesta situação, aqueles momento no chuveiro que as lágrimas caíram e você não soluçou para ninguém ouvir.

Se fazendo de forte de dia e desmoronando de noite, sem esperança do que fazer, de como resolver isso.

Você está diante de um mercado de trabalho com pouquíssimas oportunidades, desvalorizado, se sentindo impotente, afinal, como você pode mudar isso?

Você já passou ou está passando por isso neste momento?

Você já se sentiu assim?

De mãos atadas, sem ter pra onde correr, tendo somente duas opções na sua frente:

  • Aceitar essa realidade e continuar tentando até quem sabe um dia essa situação mudar;
  • ou desistir de tudo o que você conquistou e mudar de profissão, começar do zero outra vez, para quem sabe desta vez acertar na escolha da formação e começar a trabalhar.

E se eu te dissesse que existe uma terceira opção, que existe sim uma forma de mudar tudo isso?

Que você não deve aceitar essa situação e muito menos mudar de profissão!

Fique comigo até o final deste artigo que eu quero ajudar você a mudar essa realidade assim como eu mudei a minha.

Eu sei exatamente o que você está sentindo, eu também passei por isso e sei o quanto é frustrante se ver sem saída.

Mas chegou a hora de dizer chega, de parar de pensar em todas as oportunidades que você perdeu ou que você não teve e começar a criar suas próprias oportunidades.

Mayara, como assim?

Isso mesmo, chega de depender de vagas do mercado de trabalho, chega de disputar com outros profissionais por um salário merreca que dá vergonha de ver nestes sites de vagas, chega de ser excluída por não ter experiência.

Agora é a hora de tomar as rédeas da sua carreira e fazer ela acontecer.

A consultoria de alimentos é o melhor caminho para você alavancar sua carreira.

A consultoria de alimentos mudou a minha vida e pode mudar a sua!

Ao ser um profissional da área de alimentos formado você já possui atribuições para esta atuação, mas talvez não havia pensado nisso pois, infelizmente a faculdade não te prepara para esta forma de atuação.

Na faculdade aprendemos que devemos nos preparar para procurar um emprego, que temos que ter um excelente currículo para trabalhar  de alguém e não para ser alguém que gera empregos, não para atuar por conta própria.

Nosso país também não nos prepara para empreender, isso não faz parte de nossa cultura.

Comece a lembrar dos filmes americanos que você já viu, sempre tem aquelas crianças vendendo limonada na rua, ou biscoitos na escola, o empreendedorismo é ensinado desde a infância.

Não vemos isso no Brasil.

Mas isso não faz de nós escravos de um mercado difícil e disputado, isso nos faz donos de nossas próprias histórias.

A Consultoria de Alimentos é uma prestação de serviços realizada em serviços de alimentação, como restaurantes, padarias, lanchonetes, entre outros, onde este profissional é contratado com o objetivo de trazer soluções eficientes a determinados problemas, melhorias e ainda inovações para estes estabelecimentos crescerem e se destacarem no mercado.

Ao entender em que tipo de nicho você deseja atuar e quais serviços você deseja oferecer a este nicho para atender suas necessidades você terá um leque de possibilidades de atuação nas suas mãos,podendo criar inúmeras oportunidades e só não se tornará uma profissional bem sucedida e realizada se não quiser.

E a Consultoria de Alimentos não é somente para quem busca uma forma de atuação e de colocação no mercado, mas também para quem trabalha mas está infeliz com suas funções e seu salário.

Também é para quem já atuou na área, deu uma pausa para a maternidade e agora não consegue uma oportunidade de se recolocar no mercado de trabalho.

Para quem sempre teve vontade de ter seu próprio negócio e para quem está feliz em seu trabalho atual mas quer ter uma renda extra.

Incrível né?!

Compartilhe isso com que você conhece e precisa saber disso!

Principais BENEFÍCIOS de atuar como Consultor de Alimentos

Além de criar suas próprias oportunidades vou te contar mais alguns benefícios que a consultoria de alimentos pode proporcionar para você

Setor em Crescimento

O setor de alimentação fora do lar é um dos que mais crescem em nosso país, mesmo em períodos de crise, foi um dos que menos passou sufoco.

As previsões para 2019 neste setor são as mais positivas possíveis sendo esperados 5% de crescimento a mais do que no ano passado e isso realmente é incrível.

Se você deseja ser um profissional de sucesso você deve caminhar na direção que o mercado está indo, atuar em setores que estão em expansão, se não suas chances de crescimento serão mínimas.

Gerenciar seu horário

Imagine que atuando como Consultor de Alimentos, você poderá fazer suas tarefas dentro do tempo que você mesmo estipulará.

Se, por acaso, quiser deixar um dia da semana para fazer somente as coisas pessoais, poderá fazer isso.

Se quiser trabalhar apenas nas manhãs, ou nas tardes, também terá essa liberdade.

Como consultor de alimentos você cuida da sua agenda e dos horários de atendimentos de seus clientes, podendo ter tempo para estudar, cuidar dos seus filhos, levá-los na escola e cuidar de você mesma.

Imagine, você faz seu horário então poderá deixar alguns momentos para ficar mais com as crianças, ir a um cinema na quarta à tarde que tem desconto (pensou que tudooooo?), marcar consultas médicas em horários diferentes dos de pico, fazer aula de yoga, tudo respeitando seu horário de trabalho.

LIBERTADOR!

Montar uma carteira de clientes

Você decide COMO irá trabalhar e quais clientes atenderá, definindo seu nicho de atuação quem manda no seu negócio é você!

Às vezes nos sentimos mais confortáveis com um determinado tipo de trabalho, e sendo dona de seu negócio, você resolve o que quer desempenhar e o que não, assim poderá selecionar os clientes que mais se adequem aos serviços que deseja prestar.

MAIS PRODUTIVO!

Ser reconhecido pelo que faz

Estamos cansados de saber que quando somos funcionários de alguém os elogios e agradecimentos nunca chegam realmente até nós.

Por mais que você se esforce, por mais que você dê o seu melhor quem acaba levando fama e reconhecimento do que VOCÊ faz é o dono da empresa onde trabalha.

Sendo prestador de serviços você terá contato direto com os clientes e eles saberão QUEM realmente merece o reconhecimento, quem é que gerou aquele resultado no estabelecimento dele, o que pode lhe gerar ainda várias indicações para outros clientes.

VOCÊ MERECE!

Ter uma remuneração melhor pelo seu trabalho

VOCÊ decide quanto seu trabalho vale e ponto.

Nada de gente decidindo quanto quer te pagar e ficando com a maior parte do bolo sem colocar a mão na massa.

Como consultor de alimentos você é pago pela sua hora e por seus serviços, o que lhe torna muito mais valioso!

Quanto mais conhecido você fica na sua região, quanto mais disputada a sua agenda, mais você pode cobrar pelo seu trabalho.

Na consultoria quanto mais você trabalha mais você ganha, diferente de outros trabalhos onde você pode trabalhar muito, se matar de dedicação e empenho e no fim do mês ganhar o de sempre.

VOCÊ DECIDE!

Conquistar sua liberdade financeira

Definindo quanto vale seu trabalho criará a possibilidade de administrar os meses com mais trabalho e outros com menos, o que mostrará uma forma certeira de sempre ter o rendimento necessário para uma vida confortável.

LIBERDADE FINANCEIRA!

Ser dono da sua própria carreira

Não adianta, o mundo está aberto para o empreendedorismo, e mesmo tendo um monte de coisas novas para lidar, é MUITO BOM ter seu próprio negócio.

Poder decidir quando é hora de investir em algo novo, ou esperar o momento certo para implementar um novo serviço é importante para respeitar o seu processo de desenvolvimento profissional.

Como em qualquer outro trabalho você vai aprender na prática, se estivesse atuando em um consultório por exemplo ia aprender com cada paciente, em cada atendimento, na consultoria é a mesma coisa, você aprende conforme atende seus clientes e suas necessidades e quanto mais clientes tiver mas experiência terá.

SUCESSO!

Viu quantos benefícios você pode conquistar atuando como Consultor de Alimentos?

E a coisa não pára por aí, pois com o tempo poderá até mesmo desenvolver um projeto todo seu e dar emprego para outros profissionais.

Somente um profissional de alimentos SABE como os processos precisam ser desenvolvidos, então contar com uma equipe que entende sobre o assunto é uma forma de criar métodos eficazes de manipulação de alimentos visando o consumidor final.

Você percebeu as frases em letra maiúscula no final de cada item?

Então, isso foi tudo que fui conseguindo na vida de consultora de alimentos, e por isso, vendo as inúmeras possibilidades do mercado e você pode viver tudo isso também.

Claro que existem alguns passos que você precisa dar para começar a atuar na prática, mas não se preocupe com isso, eu posso ensinar cada um deles para você, é só você me dizer que tem interesse nos comentários.

O que eu quero lhe mostrar aqui, com tudo isso que te disse até agora é que você não precisa mais ficar se lamentando, ficar desmotivada ou infeliz com a realidade da sua profissão.

Você pode virar esse jogo!

Você já sabe o que fazer, já sabe que caminho seguir, eu já lhe apresentei a consultoria de alimentos e as suas possibilidades.

Agora a escolha é sua!

Decidir continuar tentando uma vaga no mercado de trabalho… que infelizmente não oferece a remuneração que você merece.

Continuar infeliz neste emprego que não reconhece seu valor, seu suor e sua dedicação.

Ou iniciar sua carreira como Consultora de Alimentos e mudar de uma vez por todas sua realidade profissional, e eu ainda nem te contei tudo hein!!

Você decide!

Mayara Vale

Gostou deste artigo? Deixe seu voto abaixo!

Como superar a desvalorização e a falta de oportunidades do mercado de trabalho?
4.7 (94.29%) 14 votes