A cada dia que passa a Segurança Alimentar mundial está se tornando algo inatingível, é preciso se mover agora, para que a Segurança Alimentar não seja só um direito mas também uma realidade.

Você que é da área de alimentos sabe que a Segurança Alimentar não se baseia somente na manipulação correta de alimentos e na garantia da oferta de um alimento seguro ao consumidor, que não ofereça riscos a sua integridade física e a sua saúde.

Segurança Alimentar vai muito além disso.

É um tema discutido em muitos países, em diversas reuniões em todo o mundo, por autoridades que desejam criar projetos que garantam a Segurança Alimentar mundial, é um trabalho árduo e que requer muita dedicação e investimentos, como por exemplo na Conferência do Clima que aconteceu em Paris este ano.

A Segurança Alimentar que estou falando é que está presente na Lei da Segurança Alimentar e Nutricional:

A segurança alimentar e nutricional consiste na realização do direito de todos ao acesso regular e permanente a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais, tendo como base práticas alimentares promotoras da saúde que respeitem a diversidade cultural e que sejam ambiental, cultural, econômica e socialmente sustentáveis.

Estou tocando neste assunto hoje porque muitas noticias tem ameaçado a Segurança Alimentar em todo o mundo. Alterações climáticas como cheias ou secas tem prejudicado atividades rurais como as plantações, a criação de gado e as pescas de pequenos agricultores aqui no Brasil.

image

Desastres afetam a Segurança Alimentar

O desastre que ocorreu em Mariana também afetou de forma drástica o acesso a alimentação de população de toda aquela região, tornando muito difícil o acesso a alimentos e água de muitas pessoas que moravam no local da tragédia.

Entre os anos de 2003 a 2013, a média anual de desastres naturais está dobrando quando se compara com a década de 80, segundo a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO).

Terremotos, ciclones, secas e cheias tem afetados diversos países e a capacidade de se garantir a Segurança Alimentar está cada vez mais ameaçada.

2013-11-10t084453z_20678439

Quando algum tipo de fenômeno natural ou desastres ambientais acontecem, muitas pessoas ficam desabrigadas, perdem tudo, os locais de vendas de alimentos são afetados também e com isso a falta de alimentos para todos se torna uma realidade.

É necessária uma ação do governo e de voluntários para que homens, mulheres e crianças recebam uma alimentação digna até que a situação se normalize.

E o que adianta sermos consultores alimentares que atuam para garantir a oferta de alimentos seguros se em muitos lugares, devido a estas alterações climáticas, faltam alimentos até mesmo para manipular.

A união faz a diferença 

Nós profissionais da área de alimentos precisamos ficar por dentro de assuntos relacionados a este tema, precisamos nos unir, nos levantar, criar estratégias para que este tipo de Segurança Alimentar também tenha nossa atenção, nossa dedicação e principalmente uma solução.

solidarite

Eu sei que pode parecer uma utopia da minha parte, mas aonde eu estiver eu farei minha parte, para que utopia vire realidade.

Acesse: http://nacoesunidas.org/aumento-de-desastres-relacionados-as-mudancas-climaticas-ameaca-seguranca-alimentar-alerta-onu/

Mayara Vale

Gostou do artigo? Vote abaixo!

 

A Segurança Alimentar está ameaçada!
5 (100%) 6 votes
bannerblog-correto