Você é um Consultor de Alimentos iniciante?

Começar a atuar em uma nova área pode ser desafiador, pois isso é super importante que você se prepare bem antes.

Antes de começar a atuar como Consultora de Alimentos eu procurei estudar muito sobre o assunto, mesmo não tendo muitas informações disponíveis na época.

Consultor de Alimentos Iniciante

Fiz isso porque precisava entender o máximo possível sobre o assunto para poder dar meus primeiros passos como Consultora de Alimentos.

Se você é um Consultor de Alimentos Iniciante é importante que você estude sobre Consultoria de Alimentos e que você conheça as legislações sanitárias:

É essencial que você conheça com profundidade a RDC 216 e as legislações estaduais e municipais, da sua região, relacionadas a serviços de alimentação, se houver.

As legislações sanitárias serão a base de conhecimento que você precisa para ajudar o estabelecimento a atender a fiscalização sanitária.

É importante ainda que você estude e entenda como elaborar o Manual de Boas Práticas, os POPs e as Planilhas de Controle, pois serão documentos essenciais para a implantação das Boas Práticas no local.

E ainda preciso te orientar a estudar o mercado de alimentação fora do ler, entender o comportamento do
consumidor, as tendências, as mudanças que esse mercado sofre para entender melhor seus clientes e suas necessidades.

Um consultor de alimentos precisa gostar de estudar, se manter atualizado, pois por atuar em um setor que cresce e muda rapidamente, é preciso acompanhar tudo isso de perto.

Agora vamos falar da formalização da sua atuação como Consultor de Alimentos:

Como você deseja começar a atuar?

Temos três opções principais de atuação para o Consultor de Alimentos:

• CPF: atuação por conta
• CNPJ: abertura de empresa
• CLT: registro em carteira

Para atuar sob seu CPF, ou seja de forma autônoma, é preciso que você se informe em sua prefeitura os procedimentos de cadastro que libera sua atuação em seu município.

Para abrir a empresa é preciso que você se informe com um contador de sua confiança sobre as modalidades de empresa que existem e em qual delas você se enquadra.

Para ter registro em carteira você precisa que uma empresa de consultoria te contrate para que você seja uma funcionária e atenda os clientes da empresa.

Consultor de Alimentos

Agora precisamos falar sobre seus clientes e seus serviços!

Você já definiu isso?

Esse é um momento estratégico da sua carreira, pois você precisa focar naquilo que vai te ajudar a começar e te fazer crescer, deixando de ser somente um Consultor de Alimentos Iniciante, mas um Consultor cheio de clientes e experiência.

Pois isso minha dica é: comece por estabelecimentos que tem operações mais simples, estrutura e cardápio enxutos e uma equipe pequena.

Porque isso lhe permitirá atuar com mais segurança, entregar o melhor resultado para seu cliente e ainda melhorar seu desempenho em cada processo.

Comece também por serviços que você já sabe fazer como:

Implantação das Boas Práticas, Manual, POP, planilhas, capacitação da equipe, controle de estoque, contratação de funcionários, atendimento ao cliente, implantação do delivery, redução de desperdícios, cardápio inteligente e por aí vai…

Quanto mais soluções você tiver a oferecer para seus clientes, mais chances de contratação você tem e mais chance de fidelização de clientes também.

Agora que tudo isso já está definido é hora de começar a divulgar seu trabalho!

E aqui vamos falar sobre duas formas principais de divulgação:

• Suas redes sociais
• Visitas aos clientes

Em suas redes sociais você precisa:

• Definir sua uma boa foto de perfil
• Sua identidade visual
• Seus conteúdos (dicas, sugestões, problemas, informações…)

Como seus clientes já estão bem definidos, você consegue alinhar sua comunicação na rede social para se conectar com eles e despertar o interesse em seus serviços.

As visitas aos estabelecimentos também são uma forma de se tornar conhecida em sua região e começar um
relacionamento com seus futuros clientes.

Será a partir desse contato que com o cliente que as oportunidades de falar dos seus serviços, que você vai
despertar nele o interesse em te contratar.

Mas, se você não ir até ele, se ele não te conhecer, se ele não souber como seus serviços podem ajudar o estabelecimento dele, a contratação não vai acontecer!

E aí, Consultor de Alimentos Iniciante, já vai começar a aplicar tudo o que eu te ensinei hoje?

Você deseja continuar aprendendo sobre consultoria de alimentos, clique aqui!

Mayara Vale

Gostou deste artigo? Comente aqui!