Negociar com fornecedores, escolher marcas e produtos, verificar o status do estoque, planejar a próxima compra, se preocupar com a retirada ou entrega dos produtos para o seu estabelecimento são alguns pontos muito importantes que compradores de restaurantes passam todos os dias para manter tudo organizado: estoques abastecidos, menu completo e clientes satisfeitos.

Tudo isso para garantir uma boa experiência para os consumidores, novos e recorrentes, que vão todos os dias aos restaurantes, procurando boas experiências para dividir com amigos, postar nas redes sociais e voltar para comer o prato preferido, e mais um copo de chopp ou uma taça de vinho.

Muitas vezes o departamento de compras é visto como o que mais gasta na empresa, já que o seu custo é alto. Mas como o negócio vai sobreviver sem os ingredientes certos?

Os compradores tem um papel essencial no sucesso do restaurante: eles analisam os estoques, prazos, pagamentos, recompras e ainda verificam todo o processo com o pessoal da cozinha e também com a satisfação dos clientes.

Mas como funciona o processo de compra?

Fornecedores de confiança são importantes, saber a origem dos alimentos, se foram bem armazenados durante todo o processo é muito importante, afinal se em algum ponto da cadeia de distribuição ele ficou acima ou abaixo da temperatura ideal, isso pode gerar problemas na qualidade dos seus serviços e comprometer a experiência dos seus clientes.

O gerente ou responsável por compras tem que estar sempre muito alinhado com todos os departamentos do restaurante: saber com o pessoal da cozinha se os ingredientes são realmente de boa qualidade (afinal, são eles que colocam a mão na massa), se os prazos de recebimento e pagamento estão de acordo com as demandas, o que precisa ser mudado para melhorar os processos.

Assim como com com o próprio cliente do seu estabelecimento, afinal se este não estiver satisfeito, algo precisa ser mudado e melhorado no processo.

Outro ponto muito importante é estar sempre antenado no que está acontecendo no mercado, quais são as novidades do setor, tanto de produtos, serviços e também na parte de fornecedores.

Os fornecedores são aqueles que intermediam todo o processo, eles compram para revender no atacado e isso acaba encarecendo o processo todo, pois os produtos passam por vários outros intermediários antes de chegar no seu restaurante.

É importante saber bem claramente quais são as suas necessidades (mix de produtos de acordo com o menu e com as fichas-técnicas dos pratos) para evitar pedir itens em excesso e acabar lotando seu estoque com produtos que não serão utilizados na semana (afinal, é sempre importante manter tudo o mais fresco possível) e podem ser perdidos, gerando um custo de desperdício que poderia ser facilmente evitado.

Alguns atacadistas e distribuidores acabam não aprovando pedidos sem uma quantidade mínima de peso, o que pode acabar saindo mais caro no médio prazo (validade dos produtos, falta de espaço, transporte dos produtos), sem contar a questão do crédito para pagamento, que precisa ser muito interessante para compras desse porte, se não o caixa fica comprometido, prejudicando as compras futuras e as próximas semanas do restaurante.

Conte com a tecnologia

Não é de hoje que realizar compras com fornecedores é algo complexo para os restaurantes e bares.

Muitos distribuidores tem apenas loja física, ou o atendimento via telefone é muito demorado, fora que outros não trabalham com uma boa condição de crédito e tem pedido minimo (que compromete as finanças e pode deixar o estoque sobrecarregado).

Claro, sem contar com o valor do frete e a demora na entrega de alguns itens, já que muitos pedidos vêm fragmentados ou são de fornecedores diferentes.

Mas a experiência de compra vem se transformando em diversos setores. Como consumidores, já compramos roupas, sapatos, móveis, eletrodomésticos e celulares sem sair de casa, utilizando nossos smartphones, realizamos algumas pesquisas na internet, encontramos os itens que interessam, colocamos no carrinho e pronto.

Compra feita, data de entrega confirmada e pagamento efetuado (no boleto, no crédito, no débito e outras formas mais de pagamento).

Hoje já somos mais de 60% de consumidores com acesso a internet via smartphone, estamos nas redes sociais compartilhando, nas lojas pesquisando, comprando, interagindo.

Os ecommerces têm crescido cada vez mais, transformando a experiência de compra, facilitando o acesso a informações, entrega e pagamento. Tudo na palma da nossa mão. Não poderia ser diferente.

Algumas plataformas online já vêm trazendo essa facilidade do ecommerce também para ajudar no dia a dia  dos restaurantes.

É o caso, por exemplo, da Menu.com.vc.

“Nós enxergamos essa necessidade de facilitar a vida dos compradores de restaurantes e lanchonetes e trouxemos o ecommerce com mais de 200 produtos e várias marcas para os comerciantes”, conta Leonardo Almeida, um dos fundadores da Menu.

Como distribuidora de alimentos e bebidas, é possível comprar direto pelo site, escolher produtos e conhecer novos itens para o seu cardápio.

A qualquer hora do dia, o site está sempre aberto para compras. E o aplicativo também.

Gustavo Penna e Leonardo Almeida, fundadores da Menu.com.vc

Gustavo e Leonardo são os fundadores da Menu.com.vc, uma plataforma que conecta a indústria diretamente ao mercado de restaurantes, bares, pizzarias e lanchonetes, para facilitar a experiência de compra e eliminar dores de cabeça com fornecedores, logística e crédito.

Além disso, a plataforma multicanal também oferece dicas na área de gestão de negócio, marketing, redes sociais e receitas, para melhorar o desempenho e os lucros dos restaurantes.

Para saber mais, acesse:

http://menu.com.vc

Gostou deste artigo? Então deixa seu voto!!

COMO COMPRAR E REPOR ESTOQUES SEM SAIR DE CASA
Quantas estrelas este artigo merece:
bannerblog-correto